Cursos

As funções executivas integram um conjunto de habilidades cognitivas e estão envolvidas em quase todas as atividades que desempenhamos. Essas funções envolvem nossas capacidades de planejamento, de traçar estratégias, de resolver problemas, de manter a atenção, de controlar nossos impulsos e de utilizar a memória para entender um enunciado, entre outras.

Dentre as experiências que contribuem com o desenvolvimento das funções executivas, destacamos os jogos como atividades ricas, imersivas e desafiadoras que estimulam a aprendizagem e o exercício de várias habilidades cognitivas.

Diante disso, o conjunto de cursos que compõem o Programa de Formação e Intervenção em Jogos e Cognição procura explorar o uso pedagógico dos jogos para criar experiências que contribuam com o aprimoramento das habilidades cognitivas que integram as funções executivas.

No programa, você pode fazer os seguintes cursos, conforme seu interesse e disponibilidade:

Jogos e funções executivas: como utilizar os jogos para melhorar as condições para aprendizagem?
Carga horária: 30 horas
Objetivos:  abordar o que são as funções executivas e entender as características dos jogos, visando apresentar as possibilidades de uso de jogos analógicos e digitais para contribuir com o aprimoramento dessas funções.

PRÓ-LIFE – Programa Lúdico de Intervenção para Funções Executivas: como aprimorar as funções executivas de crianças na escola?
Carga horária: 30 horas
Objetivos: apresentar o PRÓ-LIFE e seus elementos, de modo a preparar os cursistas para o desenvolvimento e uso de estratégias lúdicas para o desenvolvimento das competências atencionais, emocionais e sociais em crianças.

Jogos digitais e consciência fonológica na alfabetização: como selecionar e utilizar jogos digitais no processo de alfabetização?
Carga horária: 30 horas
Objetivos: apresentar um instrumento para seleção e classificação dos jogos para trabalhar a consciência fonológica e descrever um conjunto de estratégias e jogos que podem ser utilizados no processo de alfabetização.

Competência emocional: como trabalhar as emoções utilizando jogos?
Carga horária: 30 horas
Objetivos: caracterizar as emoções e sua importância para o desenvolvimento e a aprendizagem de crianças, destacando o uso de jogos como alternativa para trabalhar a competência emocional.

Jogos para disposição de pensamento crítico: como planejar atividades didáticas com jogos para trabalhar o pensamento crítico?
Carga horária: 30 horas
Objetivos: caracterizar o pensamento crítico e apresentar alternativas didáticas com jogos para trabalhar a disposição para o pensamento crítico.

Criatividade: como desenvolver a criatividade?
Carga horária: 30 horas
Objetivos: mobilizar os cursistas sobre a importância da criatividade, facilitar o regaste desta competência e instrumentalizá-los para aplicar na prática os conceitos sobre a temática.